Bibliotecas escolares assinalam o 25 de Abril

Em 25 de Abril de 1974 o Movimento das Forças Armadas (MFA) derrubou o regime de ditadura que durante 48 anos oprimiu o Povo Português. Nessa madrugada do dia inicial, inteiro e limpo (como poetizou Sophia de Mello Breyner) os militares de Abril foram claros nas suas promessas: terminara a repressão, regressara a Liberdade, vinha aí o fim da guerra e do colonialismo, vinha aí a democracia.
Com tudo isso, a Revolução dos Cravos pôs fim ao isolamento a que Portugal estava condenado há já vários anos e ajudou ao nascimento de novos países independentes. Constituindo-se o movimento pioneiro de enormes transformações democráticas em todo o mundo e demonstrando que as Forças Armadas não estão condenadas a ser um instrumento de opressão, podendo, pelo contrário, ser um elemento libertador dos povos.
Democratizar, Descolonizar e Desenvolver foi o lema que então fez regressar Portugal ao fórum das nações livres e amantes da paz.
As bibliotecas escolares relembraram esta data através de exposições temáticas e atividades de descoberta interativa. Aos docentes foram facultados recursos pedagógicos para abordagem em sala de aula.
 
https://issuu.com/fernandesc3/docs/abril_25figuras_publica__o_pags.docx
 
Aos docentes foram facultados recursos pedagógicos para abordagem em sala de aula.
 
b_500_0_16777215_00_images_artigos_04_AGRUPAMENTO_25abril_IMG_20210420_135301.jpg
 
b_500_0_16777215_00_images_artigos_04_AGRUPAMENTO_25abril_IMG_20210420_140438.jpg
 
b_500_0_16777215_00_images_artigos_04_AGRUPAMENTO_25abril_IMG_20210420_140503.jpg

 

Pesquisa