Todas as guerras são fracassos

A guerra na Ucrânia já leva mais de 500 dias: uma cronologia devastadora daquele que é considerado o maior conflito em território europeu desde a Segunda Guerra Mundial.

Há lugares sombrios do passado a que muitos preferiam não voltar. Mas quando a História ameaça repetir-se, é forçoso fazê-lo.

Na segunda sessão do ciclo “Todas as guerras são fracassos”, Susana João Carvalho optou por um retrocesso até à Polónia da Segunda Guerra Mundial. Pelas linhas da escrita sólida e rigorosamente documentada de João Pinto Coelho, e pelos passos das suas inolvidáveis personagens, chegamos a um retrato exemplar daquele é considerado o período mais negro da humanidade, e que, ainda hoje, nos desafia à reflexão sobre as motivações e os efeitos dos conflitos bélicos, ao despertar de consciências e sobretudo ao apelo à “incessante construção da paz”.

b_500_0_16777215_00_images_artigos_02_BMC_CicloTematicosSusana_sessao2_CT_1.jpg

b_500_0_16777215_00_images_artigos_02_BMC_CicloTematicosSusana_sessao2_CT_2.jpg

b_500_0_16777215_00_images_artigos_02_BMC_CicloTematicosSusana_sessao2_CT_3.jpg

 

Pesquisa